Experiência de Fé – Sede Central – Maio 2015

Experiência de Fé – José Vicente Silva

Chamo-me José Vicente Silva, sou membro da unidade do Porto há 31 anos; fiquei afastado durante 14, e no ano passado, ao tomar conhecimento das novas instalações da Igreja, sendo estas mais próximas da minha freguesia, passei a frequenta-las, mas sem compromissos.

Frequentei uns 6 meses, mais ou menos, até que um certo dia, tive vontade de conversar com o ministro, pois recentemente, tinha feito uma cintigrafia óssea, onde havia sido encontrada uma mancha na coluna dorsal. Tudo levava a crer que seria um possível cancro.

Passados 3 meses, fiz uma ressonância magnética para esclarecer mais a situação. Nesta, a mancha que estava na coluna havia descido para a bacia. O tratamento para tal problema me assustava, pois tinha que tomar atitudes drásticas em relação ao meu corpo. Ao relatar esta situação ao ministro, este disse que me apoiaria em qualquer decisão que eu tomasse; orientou-me que o mais importante, seria retomar as minhas dedicações como membro da Igreja Messiânica. Até ao momento, eu entrava na Igreja, recebia 1 Johrei, assinava meu nome na lista de presença e depois ia embora.

Assim, assumi o compromisso de dedicar como plantonista, todas as sextas; voltei a fazer os meus donativos, além de reconsagrar o meu Ohikari.

Em dezembro de 2014, fiz a reconsagração. Como não tive dificuldades de realizar as tarefas acima, passei a frequentar a Igreja, praticamente todos os dias. Com isso, assumi também a responsabilidade de cuidar da horta caseira na unidade do Porto.

O resultado foi o de, passados 3 meses, após realizar novos exames, para minha surpresa, o médico diz-me que não havia mais, nenhuma mancha. Fiquei perplexo e muito contente com que ele tinha dito e ao sair do hospital, não pensei duas vezes: Fui logo para a Igreja e materializei a minha gratidão, pois este grande milagre só poderia ser Obra do Messias Meishu-Sama.

O que eu aprendi com esta experiência foi: Que ao colocarmos o Servir a Deus em primeiro plano nas nossas vidas, tudo para nós fica mais claro. A dedicação a Deus é algo que nos torna mais felizes; mais alegres. Basta dedicar ao próximo, através deste tempo que é dado por Deus.

Meu compromisso com Deus e Meishu-Sama é o de fazer sempre mais, dentro das minhas possibilidades. Para isso, assumi dedicar mais um dia inteiro na semana. A partir de agora, fico com o compromisso de todas as segundas e sextas, das 10 às 19 horas, além de continuar a fazer todas as outras dedicações.

Agradeço a Deus, ao Messias Meishu-Sama e aos meus queridos antepassados, que proporcionaram o meu despertar para esta minha nova missão.

Muito obrigado!