Experiência de Fé – Fevereiro 2018

Experiência de Fé – Paulo Prado Henrique Júnior

O meu nome é Paulo Prado Henrique Júnior, sou brasileiro e membro da Igreja Messiânica desde maio de 1999, tendo a minha outorga, ocorrido no Rio de Janeiro, Brasil.

Em 31 de maio, depois de um processo que levou alguns meses para obtenção do visto de residente, eu e a minha família chegámos a Portugal para morar e optámos por residir em Cascais. Neste momento somos membros no Núcleo de Oeiras e Cascais.

O facto que motivou este meu relato está associado à minha vinda para residir em Portugal, em especial aos problemas de conflito que ocorreram com minha filha mais velha, hoje com 34 anos, fruto do meu primeiro casamento, e que não aceitou esta minha mudança alegando que estava a sentir-se abandonada por mim.

Apesar de todas as minha tentativas de explicar os motivos que me levaram a tomar esta decisão, ela não aceitou esta mudança, o que resultou na minha vinda para Portugal sem ter a oportunidade de me despedir pessoalmente dela ainda no Brasil.

Desde então mantínhamos algum contato sempre através de mensagens, o que me fez acreditar que ela aos poucos estava a aceitar a minha mudança. Porém, em meados de setembro de 2017 voltamos a ter um novo conflito pois não concordei, até em função da minha disponibilidade financeira, em comprar as passagens aéreas para que ela e o seu marido pudessem vir visitar-nos.

Desde então ficámos sem nos falar pois ela decidiu não ter mais nenhum tipo de contato comigo, o que me deixava muito triste e chateado com toda esta situação. Nem mesmo o meu genro quis interceder, como chegou a fazer no passado com outras situações.

Fui orientado pela minha Ministra responsável a fazer algumas práticas diárias, tais como leitura de Ensinamento, orações, donativo diário e prática de Johrei de modo a levar muita Luz para o espírito da minha filha e Salvação aos antepassados que estavam a sofrer e a pedir ajuda. Agradecendo sempre que esta situação viesse à minha mente.

Com a chegada do Natalício de Meishu-Sama fiz o preenchimento do formulário que nos foi entregue com o objetivo de escrever e agradecer todas as nossas graças recebidas ao longo do ano de 2017 e, como não poderia deixar de ser, coloquei ali todo o meu sentimento de gratidão, em especial pela existência da minha filha na minha vida, materializando esse sentimento com um donativo especial.

No dia seguinte ao Culto de Natalício, ou seja, dia 24 de dezembro, recebi uma mensagem do meu genro a pedir que procurasse manter contato com a minha filha pois ela estava com muitas saudades minhas e do irmão e que, com certeza, ficaria muito feliz com o meu contato.

Decidi seguir a orientação do meu genro e contactei com a minha filha através de uma ligação de vídeo e realmente, ela atendeu-me com muita alegria e felicidade. Assim, pudemos conversar novamente com muita calma e serenidade.

Após essa nossa conversa, que não ocorria desde setembro de 2017, ela escreveu uma mensagem na qual dizia que agora aceitava com tranquilidade a minha mudança e que apesar da distância e da saudade que ela sentia de todos nós, sabia que essa minha decisão tinha sido a melhor possível.

Para minha felicidade, ainda no final do ano passado recebi a informação da minha filha que ela e o meu genro haviam comprado as passagens aéreas para nos virem visitar em março deste ano.

Assumi um compromisso com Deus e Meishu-Sama de materializar esta graça recebida no próximo Culto Mensal a ser realizado em Coimbra, o primeiro a ser realizado nesta nova Sede.

Esta minha experiência serviu para reforçar ainda mais a certeza de que devemos continuar a dedicar em prol da Obra Divina, cuidando das pessoas que necessitem da nossa ajuda, e que devemos esforçarmo-nos ao máximo, apesar de em alguns momentos ser bastante difícil, para entregar os nossos problemas para que Deus e Meishu-Sama nos ajude a solucioná-los.

Queria agradecer a Deus e a Meishu-Sama por todas as bênçãos e proteções recebidas e também pela oportunidade de continuar a servir na Obra Divina aqui em Portugal.

Comentários não disponíveis.