Ensinamento do Mês – Novembro 2018

ENSINAMENTO DE MEISHU-SAMA

A REENCARNAÇÃO

O tempo que o Homem leva para reencarnar é bastante variável, podendo a reencarnação ocorrer cedo ou tarde. A rapidez ou atraso são determinados pela própria vontade da pessoa. Quando alguém morre e tem muito apego a este mundo, reencarna mais cedo. Mas isso não traz bons resultados, porque no Mundo Espiritual a purificação é mais rigorosa e quanto mais tempo o espírito lá permanecer, mais será purificado; quanto mais purificado estiver, mais feliz será ao reencarnar. No caso de reencarnação prematura, a purificação não se completa, restando impurezas que deverão ser purificadas neste mundo. Ora, a purificação no Mundo Material traduz-se em sofrimentos como doenças, pobreza, acidentes, etc.; obviamente, a pessoa terá um destino infeliz.

O facto de uma pessoa ser feliz ou infeliz desde o seu nascimento, na maioria das vezes deve-se ao que acabamos de expor. Perceberão, portanto, que a felicidade ou a infelicidade não acontecem por mero acaso, existindo razões para ambas. Contudo, há outra explicação. Quando a família do falecido lhe presta homenagens póstumas e ofícios religiosos, ou quando os seus descendentes praticam o amor ao próximo e trabalham em benefício da sociedade e da nação, somando o bem e a virtude, isso ajuda a acelerar a purificação dos espíritos dos antepassados. Por esse motivo, o amor e a devoção filial devem ser praticados não só quando os pais ainda estão neste mundo, mas muito mais através de ofícios religiosos e do altruísmo, quando eles já se encontram no Mundo Espiritual. Costuma-se dizer: “Os filhos querem colocar em prática a devoção filial quando seus pais já não estão neste mundo.” Quem diz tais palavras, desconhece como é o Mundo Espiritual.

23 de outubro de 1943

Comentários não disponíveis.